amor-fumaça

smoke-108664_1920

quais cores perdi
te olhava detrás da vidraça
vais? não compreendi
devo mentir; é amor que passa

há tempos demais
os ponteiros são tolas trapaças
tens quandos de mim
pouco talvez; amor sem graça?

mesmo que os dias me calem
sonho um turbilhão
mesmo teu corpo já raro em minhas mãos
amor também é solidão

mesmo que os livros te falem
fuja a uma oração
mesmo assustado teu doce coração
amor também é confusão

há flores pra mim
já te vejo a correr pela praça
vais? já compreendi
o teu amor é pressa ou nada

sei me refazer
destilar o amor em cachaça
queima meu peito em nãos
talvez o amor seja fumaça

mesmo que os dias me calem
sonho um turbilhão…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s